segunda-feira, 6 de julho de 2009

Eu vim de lá

Diz o sabiá que eu vim de lá,
com o ninho mais cheio
de uma coisa nova e das mesmas coisas velhas,
renovadas.
Diz o beija-flor que eu não tinha opções.
Realmente não, tinha escolhas.
Se eu sei de onde vim,
trouxe encantos e desencontros.
Se me perdi, trouxe encontros e desencantos.
Diz o sabiá que viria numa eternidade, à moda antiga
sem saber se o beija-flor ainda voava por lá,
de onde vim e pra onde vou.